segunda-feira, 6 de maio de 2013

O que a Osteopatia pode curar?


>







A Osteopatia pode tratar das doenças mais freqüentes como as ciáticas, lumbago, dores na coluna, escoliose, hérnia do disco, torcicolo. Pode ser tratado o entorse, as dores dos ombros, de pescoço e os problemas decorrentes de acidentes de carro, moto, quedas, etc. Todas as perturbações funcionais como enxaqueca, dores de cabeça, problemas digestivos, insônias, depressão, procurando sempre desvendar o porque do sintoma para poder curar.

Dependendo de sua sensibilidade, o Osteopata irá desenvolver seus próprios métodos de tratamento e minha experiência médica anterior, me levou a tratar mais facilmente das mulheres, particularmente no que diz respeito aos problemas ginecológicos e à gravidez, e consequentemente, a tratar dos recém nascidos e das crianças. De forma especial, adoro trabalhar com os nenés e com as crianças.

Para crianças e nenés, nos utilizamos técnicas suaves, as técnicas cranianas, sem manipulação. Eu trato de nenés que tiveram um nascimento difícil, com deformações do crânio, mas também de nenés que nasceram com parto cesáreo, nenés que choram muito, nenés que tem problemas de digestão, de vomito, nenés que tem problemas de pescoço, que não podem virar a cabeça, nenés que não dormem bem.

Muitos problemos seriam evitados se pudessemos tratar os nénes desde o momento do nascimento, ou, pelo menos, logo depois. Eu trato crianças que têm problemas de resfriado, sinusites, otites, alergias, asma, problemas decorrentes de quedas, scolioses, choques affetivos, problemas escolares e agitação ou hiperatividade. A Osteopatia é muito efficaz também com as crianças que têm alguma deficiência física ou mental.

A Osteopatia é muito desenvolvida na Europa desde os anos 70, especialmente na Inglaterra, França e Bélgica, mas ainda continua quase desconhecida no Brasil.

Os estudos são longos e difíceis e não se consegue um diploma de Osteopata em poucas semanas !

Você conhece o nosso Drive Virtual de Conteúdo spbre Terapia Manual? Clique aqui e conheça!

Comente:

Nenhum comentário:

Postar um comentário